sexta-feira, 22 de junho de 2012

TEMPOS OUTROS

O vídeo expõe um momento em que a articulação entre os artistas e a grande indústria da mídia era mais permeável às questões políticas e sociais. O arrefecimento da tensão  entre  esta e aqueles, notável nos dias atuais, parece ter acompanhado a emergência da segmentação do mercado musical - do brega ao 'cult', do samba ao rock, foram se estabelecendo núcleos 'auto-sustentáveis' econômica e idealmente. Há, porém, os que não  se integraram nem se  entregaram aos parâmetros mercantis, valorizando práticas e idéias típicas das relações comunitárias.  Para estes, a questão que se coloca é se sua estética relaciona-se às comunidades em que estão ou procuram se inserir. De qualquer forma, se por um lado, o "mainstream" - hoje dividido em vários segmentos - já não capta em sua estrutura de massificação as grandes questões coletivas; por outro, os que se encontram à margem tem a oportunidade de dizer junto com a rapaziada o que antes se imaginava à distância e era ditado por outro e por cima, ainda que com as melhores intenções.
Pra ficar só na música, recomendo o Chico a partir dos 04 minutos de vídeo, quando canta bem Gota d´água. Depois vem o Comportamento Geral de Gonzaguinha e, em seguida, a bela Ivone Lara, com auxílio luxuoso do Paulinho e da Rosinha de Valença. 

3 comentários:

Pagode disse...

Que ano foi esse show, Everaldo?

Pagode disse...

Que ano foi esse show, Everaldo?

Everaldo Efe Silva disse...

Foi em 81, meu camarada. Se não me engano é o daquele famoso episódio do Riocentro.
abraço